Coordenadoria Nacional convoca reunião hoje às 23h

A Coordenação Sul do Partido Pirata convocou, por email, os integrantes da Coordenadoria Nacional para um reunião virtual a ser realizada hoje, quarta-feira (25/05), às 23h, por meio do comunicador Mumble, com a finalidade de iniciar a reorganização da Gestão de Crises, órgão interno responsável por procedimentos internos de mediação e arbitragem de conflitos, bem como conduzir procedimento disciplinares.

Ahoy!

(…)

É fato que desde maio de 2015 a Gestão de Crises não atua, deixando muitos e-mails sem resposta e muitas denúncias sem sequer um parecer, muito menos o correto encaminhamento dos casos. Isso inclui casos graves, com denúncias de agressão a mulheres, racismo, transfobia e perseguição.

Essa situação chegou ao ápice em maio de 2016, quando cansadas da impunidade, muitas mulheres do Partido Pirata iniciaram um movimento para mostrar publicamente como o Partido Pirata NÃO é um espaço seguro para mulheres. Isso ocasionou a desmobilização das mulheres, e inclusive alguns casos de desassociação.

A situação passou do limite. Para trabalharmos em consonância com nossos valores, temos que proteger as pessoas oprimidas, e não os opressores. Por isso, é urgente indicarmos uma nova comissão, provisória, que deixará de existir quando a próxima ANAPIRATA eleger novas pessoas responsáveis pela GC.

(…)

O email, assinado por Leonardo Magno Sampaio e enviado em 24/05/2016 às 00h40, veio acompanhado de uma sugestão de como resolver a situação da Gestão de Crises com agilidade e legitimidade, bem como uma proposta de regimento interno para o órgão.

Na reunião será submetida à deliberação a ideia de que a Coordenadoria Nacional convoque todas as pessoas associadas ao PIRATAS e que tenham interesse a participarem, por meio da ferramenta Loomio, de um processo colaborativo de indicação para os cargos vagos de Primeira e Segunda Gestão de Crises, conforme disciplinados no art. 51, parágrafo único, do Estatuto, os quais têm por inspiração as figuras de Ombudsman/Ombudskvinna.

Pelo regimento proposto, a nova Gestão de Crise terá de assumir, em regra, um caráter conciliatório, tendente à justiça restaurativa, mas também poderá impor as sanções que se mostrarem necessárias, dentro das exceções expressamente previstas. Ainda, há a previsão de um modelo de suplência ou funcionamento colegiado, bem com estipulação de prazos para a atuação e fixação de um mandato limitado ao encerramento da próxima Assembleia Nacional do Partido Pirata – ANAPIRATA, quando deve ser indicada uma nova composição.

Foram convocados, além das demais Coordenadorias Regionais e da Secretaria Geral,  o Grupo de Trabalho de Tecnologia da Informação (GTI), para auxiliar em eventuais questões legais, e o Grupo de Trabalho Jurídico (GTJ), para opinar sobre a plataforma a ser utilizada pela Gestão de Crises, além de eventual moderação durante a própria reunião.

Já que você está aqui…

… nós estamos pedindo por um pequeno favor. Diferente de outras organizações, não recebemos dinheiro de governos e nem de empresas. Também não cobramos por acessos às nossas ferramentas. O Partido Pirata é uma organização independente que luta por direitos digitais, o livre compartilhamento de informações, privacidade para as pessoas e transparência de governos e corporações. Somos pessoas voluntárias tentando construir dia após dia o partido e precisamos de dinheiro para colocar algumas ideias em prática e cobrir diversos gastos. Isso requer muito trabalho e fazemos pois acreditamos que a nossa perspectiva importa porque –  também pode ser sua perspectiva.


Deixe uma resposta

Notice: Comments reflect the opionions of those who did wrote theme. Allowing people comment here, doenst mean, that we also agree with them.

Your email address won't be displayed. Required fields are marked with this sign: *

More information

Chat Internacional @GlobalPirates

Publicações