Finalmente uma dose saudável de antissistema

traduzido daqui

fotos tirados do Flickr

Entrevista com Ivan Bartos, líder do Partido Pirata na República Tcheca pelo portal Krytyka Poirlityczna

Ivan Bartoš, líder do Partido Pirata da República Tcheca: Podemos fazer a entrevista em meia hora, por favor?

Sławek Blich do Krytyka Poirlityczna: O Dever Chama?

Não – minha esposa. Nós compartilhamos um presente de Natal – Eu tenho uma tatuagem para terminar em meu peito. E não posso me atrasar hoje. Aliás, você sabia que Lydie, que também é membro do Partido Pirata, organizou o protesto negro em Praga em defesa dos direitos da mulheres polonesas?

Nossos bons amigos do A2larm.cz cobriram o evento, sim.

Foi exatamente assim que tudo começou – nós eramos ativistas, manifestantes que não suportavam mais o status quo.

Eu vim aqui ver você porque nós não sabemos se vocês são uma boa ou má notícia para a esquerda.

Nós atingimos um sucesso histórico nas últimas eleições parlamentares. Agora somos a terceira maior força política do país. Nós temos alguns senadores, 22 deputados, nós temos pessoas em algumas regiões, assim como o prefeitura de Mariánské Lázne na parte ocidental da República Tcheca.

Você confundiu diversos comentaristas com esse resultado. Nós sabiamos que vocês eram anti-establishment, liberais, que vocês encapsulavam uma mudança geracional no cenário político. Oh e que vocês produziam os melhores clipes de toda a região de Visegrad, como aquele que você toca acordeão e dirige o ônibus.

Nós não somos um partido populista, no entanto. Alguns de nossos críticos argumentaram que aparentemente nós eramos os mais agressivos de toda a campanha eleitoral. Então nós testamos essa afirmação com uma simples análise linguística pós-eleitoral que provou que os Piratas eram o grupo que mais se baseava em evidências concretas.

Entre as palavras mais utilizadas na nossa campanha estavam “futuro” e “igualdade”. Agora, vamos olhar para os Democratas Cristãos. Adivinha o que eles usavam? “Medo”, “Raiva”. Outros partidos eram ainda piores. É a mesma coisa que outros populistas fizeram em toda a Europa: na Alemanha, Austria e Reino Unido. Mesmo os partidos centristas na República Tcheca, como os sociais democratas, usavam essa retórica agressiva. E agora eles estão surpresos. Adivinha? Foram eles que levaram as pessoas a votarem no SPD e o Senhor Okamura.

Análise línguística pós-eleitoral provou que o Piratas foi o partido mais razoável e baseado em evidências

.

Agora, vocês arrombaram os portões da política tradicional, mas muitos comentaristas lutam para definir os Piratas politicamente. Por que você acha que é assim?

Porque eles cometem o erro de nos mensurar da mesma maneira que fazem com a política tradicional. Mas eu entendo isso. Oito anos atrás nós começamos um partido político baseado no exemplo dos Piratas Suecos, mas muito rápido nós percebemos que apenas os posicionamentos suecos sobre assuntos como liberdade na Internet e liberdades civis sozinhos não ia funcionar para nós.

Por que?

A messagem que estavamos entregando estava atingindo talvez 15% porcento da população total. E muito rápido nós nos enrolamos.

O que você quer dizer?

É como um efeito bola de neve – os Piratas são um movimento social construído em volta de um grupo de círculos muito concretos da área social e ambiental. Sob tais circunstâncias, os Piratas da esquerda do Partido influenciavam os Piratas da direita o tempo todo, discutindo e deliberando. Nós empacamos no último loop de feedback de um grupo que já se encontrava persuadido. A qualquer momento que tentavamos dar um passo a frente para atingir novos eleitores ou apenas simplificar nossa menssagem como partido, nós eramos acusados por nossos principais apoiadores: você disse B ao invés de A, você usou a expressão errada, você simplificou demais…

Tudo isso parece muito familiar para um editor Polonês de Política da Esquerda, eu lhe garanto.

Era uma desvantagem. E política é complicado, sabe? Uma explicação aprofundada das soluções que nós propormos para problemas comuns é especialmente ineficiente no curto espaço de tempo que as pessoasl conseguem devotar para efetivamente prestar atenção nos políticos e ler os seus programas eleitorais.

Ninguém lê programas eleitorais, sejamos francos.

“Quatro motivos para votar nos Piratas” – isso é algo que você leria, não? Então a primeira coisa que nós decidimos fazer como Piratas foi simplificar nossa mensagem. Nós mantivemos tudo que era fundamental no Programa Pirata, mas nós o convertemos em algo digerível e em um formato fácil de entender. Nós removemos todos os hiperlinks. De repente, nossa mensagem se tornou compreensível para pelo menos metade da população.

Nós ainda somos um partido 100% democrático e baseado no princípio de participação e transparência

Na campanha vocês jogaram como um time, mas havia um líder forte e reconhecível.

Hoje nós ainda somos um partido 100% democrático baseado no princípio de participação e transparência. Você pode me tirar do cargo em duas semanas se eu cometer um erro terrível como líder.

E como vocês concordaram no que deveria ser simplificado em sua mensagem para que vocês pudessem persuadir novos eleitores assim como impedir os antigos de fecharem as portas

É assim que começamos nossa campanha – nós envolvemos um monte de pessoas, amigos de amigos. Eles fizeram pesquisas com 1500 pessoas sobre os pros e os contras de votar nos Piratas. As pessoas realmente sabem o que os Piratas defendem?

Então nós tomamos os resultados e os misturamos com nossas principais crenças políticas para formular um objetivo de comunicação bem simples: introduzir os Piratas como um partido democrático, liberal, racional com um foco especial em tecnologia e honesto sobre os problemas sociais das pessoas na região.

Então quais tipos de problemas sociais vocês querem adereçar primeiro e dando mais importância?

Quando sua máquina de lavar quebra e você não pode se dar ao luxo de conserta-la e tudo que você pode fazer é emprestar dinheiro do sistema de crédito, quando você não tem guardado o suficiente para fazer coisas básicas – isso significa que há algo de errado no seu país. Na maioria dos países ex-comunistas essa liberdade básica essencial – que nós podemos colocar na base da pirâmide de necessidades – não se encontra suficientemente satisfeita. Eu não diria que as pessoas estejam em dificuldades na República Tcheca, mas as receitas aqui ainda estão realmente baixas, as pessoas tem quase nenhuma poupança, enquanto dezenas de milhares de pessoas são despejadas a força de suas casas.

Você consegue ver por quê o copia-e-cola dos Piratas Suecos não funcionou imediatamente na República Tcheca? Como você pode pregar para as pessoas sobre liberdade na internet ou democracia enquanto eles estão focados em chegar até o fim de cada mês? Não é que as pessoas das regiões não estejam interessadas nas liberdades, em pautas filosóficas ou políticas, mas eu estou convencido que uma política progressiva tem que começar com trazer uma segurança básica para as pessoas que estão passando pela camada baixa da pirâmide primeiro

O Partido Libertário dos Cidadãos Livres é apenas nonsense neoliberal

Alguns círculos esquerdistas criticam seu partido por não ter um conjunto coerente de crenças políticas. Como Marie Hermanová escreve para o A2larm, alguns membros do Partido Pirata não estão muito longe das visões libertantes de Petr Mach sobre a economia. Você é Petr Mach disfarçado com dreadlocks?

O Partido Libertário dos Cidadãos Livres (Strana svobodných občanů) é apenas nonsense neoliberal. Piratas preferem cooperação ao invés de competição

Muito bem, vou pular as perguntas sobre sua postura libertária então.

Eu respeito os caras do A2larm, mas eu não compartilho a opinião de que a divisão tradicional direita e esquerda seja a solução para os problemas modernos. A menos que você seja dogmático, não há jeito de você acreditar que você esteja sempre certo.

Não não somos demagogos. Nós somos um partido flexível que pode revogar suas decisões prévias baseado na informação que não estava acessível para nós antes. Nós não fazemos teatrinho para o público. Nós sempre assumimos uma abordagem liberal para o tópico discutido e tentamos fazer a melhor decisão possível. É por isso que nós podemos aceitar o fato de que grandes negócios sejam parte da sociedade. Similarmente, eu não me importo com políticos se encontrando com lobistas, desde que eles registrem tudo oficialmente e sejam transparentes com o público.

Vocês mesmos fazem isso?

Sim. Como Piratas nós compartilhamos publicamente uma gravação dos encontros que fazemos com lobistas e representantes de grupos de interesse. Essa também é uma tarefa fundamental do partido: fornecer o máximo de informação para as pessoas para que elas possam tomar as melhores decisões. Nós fazemos isso porque a única maneira que você pode lutar contra as patologias do capitalismo “cowboy-style” ou a influência de corporações globais é revelar como o sistema realmente funciona.

No seu documento de estratégia pós-eleitoral você propõe uma taxa progressiva, mas apenas acima de 130.000 CZK. O que é muito dinheiro, um valor muito alto.

Porque na verdade o que nós temos hoje é um sistema de impostos regressivo. Quanto mais dinheiro você ganha, menos taxas você paga. Nós somos criticados pela esquerda por querermos introduzir uma taxa única no Imposto de Renda, mas isso não é justo.

Vocês não querem uma taxa única?

Nós queremos simplificar o sistema de pagamento de taxas para todos, incluindo os mais pobres e minimizar os deveres que os pagadores de impostos tem diante do Estado. Nós certamente não somos libertários ou neoliberais na nossa maneira de pensar sobre isso.

Nós estamos colocando nossos ideais em prática através de soluções pragmáticas

Então o que vocês são?

Nós estamos colocando nossos ideais em prática através de soluções pragmáticas. Nós mantemos ambos os pés firmes no chão. Como Partido Pirata, estamos interessados em permitir que as pessoas possam ter mais, ter uma renda decente e crescente. Então o que nós estamos oferecendo é na verdade um passo à esquerda da situação atual.

Então se nem a esquerda ou a direita podem nos salvar, o que irá? Tecnologia?

Nós não estamos dizendo que a tecnologia irá salvar nossas vidas, apesar de que possa afetar o meio ambiente à nossa volta de maneira positiva. Nesse sentido nós somos tecno-otimistas. Mas os Piratas não vivem em algum tipo de Futurama – nossa agenda é uma resposta racional para o mundo a nossa volta. Nós já estamos online. Mesmo se você mesmo não usar o sistema, seu plano de saúde ou registro fiscal já se encontra lá. É por isso que já é hora de um e-governo como supostamente deve ser – um serviço livre e acessível para os cidadãos.

Eu vou dar duas razões para destruir seus argumentos agora

Eu sou todo ouvidos

AirBnb ou Uber.

Estar online e lidar com tecnologia moderna não implica em aceitar tudo o que vem junto. Especialmente quando nós lidamos com a instabilidade do mercado imobiliário ou as condições de trabalho dos motoristas de taxi.

Mas, o mais importante, quero enfatizar que a atual luta contra essas plataformas também é uma abordagem errada. Se você realmente quer regula-las, você precisa de duas coisas: transparência e uma legislação poderosa. A abordagem correta é forçar essas plataformas a revelar todos os seus dados financeiros e dados sobre seus funcionários. Essa é a única maneira que você pode controla-los. Mas o último ponto não pode ser feito por um único Estado- Nação isolado.

O fato é que um pequeno país como a República Tcheca não pode encarar isoladamente as corporações globais

Você precisa da União Européia. Vamos em frente discutir o lugar da Europa no mundo Pirata. Partidos populistas, de direita e anti-imigrantes ganharam proeminência na política Européia nos anos recentes. A Europa Central e Oriental está liderando essa corrida.

Isso vai parecer clichê, mas para nós a cooperação Européia é a única maneira de manter paz na Europa – agora e no futuro. Nós não somos Euro-federalistas, mas diferente de outros líderes Visegrados nós tampouco forçamos o jogo de interesses do Estado-Nação. Nós estamos interessados em fatos, e o fato é que um pequeno país como a República Tcheca não pode encarar as corporações globais sozinha. Além disso, a legislação de um único país é muito facilmente alvo do lobby de corporações. Um Estado-Nação também não tem meios suficientes para resolver a massiva crise global, como a recente crise de imigração.

A República Tcheca é uma das sociedades mais islamofóbicas da Europa. Você não está tentando a tomar vantagem política disso, como eles fizeram na Polônia e Hungria?

Nós discordamos com o abuso do influxo de refugiados por propósitos políticos e a disseminação do medo, pânico moral e a incerteza na sociedade. Mas nós queremos uma solução racional ao real problema das migrações em massa e para isso ser possível nós precisamos uma União Europeia reformada e cooperativa

Reformada de que maneira?

Nós lutamos por uma reforma fundamental em direção a mais transparência e democratização. Nós também gostaríamos de ver mais decisões políticas sendo feitas através do Parlamento Europeu democraticamente eleito. E acima de tudo, nós apoiamos o princípio da subsidiariedade que é uma política chave para os Piratas.

Você pode explicar melhor?

Isso significa que o processo de tomada de decisão não deveria envolver instituições centrais da UE, desde que os problemas possam ser melhor resolvidos pelas estruturas nacionais, regionais e locais. Eu sou o líder do Partido Pirata, mas isso não implica que eu governe diretamente a região do Moravian do Norte. Nossas estruturas locais fazem muito mais ao conhecer e confiar nos seus candidatos para dirigir uma política independente para suas regiões. Na Europa, muitas coisas podem ser feitas dessa maneira.

Se o Sr Orban ou Kaczynki os chamassem para oferecer um acordo político diferente que atenda pelo nome de Visegrad vs a União Europeia, o que você diria?

Eu diria não.

A República Tcheca deveria deixar o Visegrad Four? (o V4 é uma Aliança Política e Cultural entre República Tcheca, Hungria, Eslovaquia e Polônia que começou em 1993)

No Partido Pirata, nós somos liberais progressistas e respeitamos as liberdades individuais, diferente dos países que estão no governo na Polônia ou Hungria.

Colocar o Diem25 na capa do jornal conservador Lidovky não é uma tarefa fácil

E quanto à Eslovaquia?

Fico pelo menos agiu de maneira esperta, ele foi o primeiro a dizer: “Ei Europa, nós somos os mais liberais desses quatro, então você pode falar conosco, deixe-nos governar e mediar com eles”.

Mas no que se refere a Visegrad, eu respeito a significância da cooperação através das fronteiras entre nossos países nas principais áreas, como comércio exterior e educação, mas não é de nenhuma maneira uma boa posição para qualquer país estar ao lado dos poloneses e húngaros nesse momento

Enquanto isso, vocês acabaram de eleger um novo primeiro ministro – um oligarca acusado de corrupção séria. O Sr Babis é frequentemente comparado com Donald Trump ou Silvio Berlusconi. Estão corretos?

No que se refere a assuntos Europeus, o Sr Babis é uma grande incógnita porque ele mudou seus pontos de vista diversas vezes. Mas ele está tão forte no momento – através de suas relações públicas e seus próprios canais de mídia – que ele pode facilmente se safar disso. À luz de como eu me sinto sobre política, eu prefiro retornar aos velhos dias tradicionais quando a corrupção e um claro conflito de interesses era considerado algo ruim.

Lidové noviny”, um jornal influente que pertence ao Império de Mídia do Sr Babis, recentemente divulgou a história de que o Partido Pirata flertou com o Marxista Grego radical Yanis Varufakis. Como anda esse caso de amor?

Eu estou especialmente orgulhoso desse artigo, porque conseguir com que o Diem 25 (Movimento Democracia na Europa, lançado por Yanis Varoufakis) na primeira página do jornal conservador Lidovky não é uma tarefa fácil.

Obviamente nós não somos marxistas e eu fiz meu melhor para transmitir isso para os jornalista do Sr Babis, mas sem sucesso. Ainda assim, todo liberal honesto é contra a governança das grandes corporações, contra o lobby e contra a ascensão de qualquer movimento nacionalista. É por isso que o terreno comum entre nós e o Diem25 é algo próximo de 80%. Muitas pessoas que nós respeitamos assinaram seu manifesto, incluindo Julian Assange. Se o Diem25 é uma plataforma política comum e transparente para os verdes, a esquerda e os liberais, nós estamos prontos para agir no papel de liberais.

Você realmente acredita que qualquer força progressista pode atingir sucesso eleitoral significativo nesse momento histórico difícil?

O que eu realmente acredito é em um processo de abertura, educação e não patronizar os outros. Em meu mundo Pirata liberal eu posso aceitar que haja riqueza no mundo. No mundo conservador do Sr Orban e do Sr Kaczynski, seria muito diferente: eu não seria capaz de coexistir com pessoas de opiniões diferentes, eu seria forçado a raspar o cabelo ou ir para igreja como os outros. Eu mesmo sou um cristão, um protestante Hussita. Eu estudei teologia e fui batizado quando tinha 19. Eu apenas acredito em uma mensagem religiosa: Jesus é amor. É provavelmente o mesmo que Kaczynski adora, mas eu acho que eu o entendo melhor.

Pergunte a ele alguma hora se a esquerda na Polônia irá jamais ganhar uma eleição de novo.

A esquerda continua caindo porque ela escolhe pregar e julgar as pessoas. É por isso que os verdes falharam na República Tcheca. Eu não culpo os conservadores. Talvez seja por isso que nós atingimos sucesso? Nós aceitamos os medos e as crenças das pessoas como elas são, porque você pode apenas muda-las através de uma postura aberta, educação e uma discussão honesta. Eu estava nas regiões, eu viajei em toda a República Tcheca. Quando você vai para a região do norte da Boêmia, você irá encontrar pessoas culpando a comunidade de Roma por todos os problemas sociais. Claro, eu poderia ter facilmente retornado a Praga e ido para um programa de televisão e dizer que essas pessoas eram racistas. Mas minha cabeça está focada em uma tarefa maior e que consome muito tempo.

E qual é?

Eu realmente quero que eles mudem de ideia um dia.


Deixe uma resposta

Notice: Comments reflect the opionions of those who did wrote theme. Allowing people comment here, doenst mean, that we also agree with them.

Your email address won't be displayed. Required fields are marked with this sign: *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

More information

Arquivo de posts