O Partido Pirata da França tem seu primeiro vereador eleito.

 

vasseur

 

Enquanto a lista autônoma dos piratas parisienses reúne apenas 3,35% dos votos no 10º distrito municipal [Entrepôt], o Partido Pirata da França [Parti Pirate] pode se consolar com seu primeiro candidato eleito para cumprir suas responsabilidades numa comuna da região de Rhône-Alpes.

 

É anedótico, mas pode ser visto como um encorajamento para os futuros candidatos. Infeliz nas eleições legislativas, o Partido Pirata francês conheceu seu primeiro candidato eleito na noite de domingo, para a região de Rhône-Alpes. Aparecendo na sexta posição da lista da UDI [União dos Democratas e Independentes] liderada por Geneviève Girard, Freddy Vasseur foi eleito vereador da comuna de Portes-lès-Valence. A lista venceu a do Partido Comunista com 50,93% dos votos.

 

“Se me fizessem uma proposta de participação numa lista, eu poderia aceitar, mas é uma questão delicada”, explicou Freddy Vasseur ao Le Dauphiné na época de criação de sua seção local do Partido Pirata da França, em maio do ano passado. Ele diz que gostaria de conduzir sua própria lista, mas não obteve sucesso em reunir 29 nomes necessários para a criação de uma lista autônoma.

 

Aos 49 anos de idade, agente do Ministério de Defesa, Freddy Vasseur explicou que quer ampliar a democracia participativa na gestão da comuna. “Cabe aos habitantes decidir sobre o orçamento municipal, por exemplo. A legitimidade obtida através da eleição não basta. É essencial se voltar constantemente aos moradores da comunidade”, declarou.

 

“Possuir uma influência departamental”*

 

“As ideias do Partido Pirata da França não são voltadas apenas aos geeks”, também afirmou o novo vereador, que está querendo criar um “sistema de troca de serviços” na comunidade.

 

Ao anunciar que se uniria à lista da UDI, Freddy Vasseur escreveu que “o Partido Pirata deseja primeiramente se instalar na comuna de Portes lès Valence de forma duradoura para poder desenvolver uma conexão essencial e indispensável com a vida política local, e, dessa forma, possuir uma influência departamental importante em um segundo momento”.

 

“Madame Geneviève GIRARD é a única personalidade política local que se interesssou pelo programa do partido pirata, e, mais especificamente, pelas minhas ideias e orientações as quais desejo trazer para Portes lès Valences amanhã. Assim, naturalmente, Geneviève GIRARD me fez a proposta para integrar sua equipe e trabalhar em um programa municipal que respeitasse o bom senso, fosse livre de demagogia e razoável em termos de despesas públicas”.

 

Na França, o Partido Pirata apresentou apoio oficial a 9 listas. Em Paris, a lista autônoma do Partido Pirata conduzida por Antoine Bevort reuniu 3,35% dos votos no 10º distrito municipal.

 

* Em termos de administração, a França se divide em 27 regiões administrativas que são subdivididas em 101 departamentos; esses departamentos, por sua vez, são divididos em 342 distritos (arrondissements), que são subdivididos em milhares de comunas e cantões. O departamento em questão aqui seria o de Drôme, no qual está localizada a comuna de Portes-lès-Valences e que faz parte da região de Rhône-Alpes. Os distritos departamentais não devem ser confundidos com os distritos municipais (arrondissements municipaux) com suas próprias prefeituras que existem nas cidades de Paris, Lyon e Marseille, e que são subdivisões de comunas (enquanto os distritos departamentais são agrupamentos de comunas).

 

 

Original: http://www.numerama.com/magazine/28837-le-parti-pirate-a-son-premier-elu-conseiller-municipal

Já que você está aqui…

… nós estamos pedindo por um pequeno favor. Diferente de outras organizações, não recebemos dinheiro de governos e nem de empresas. Também não cobramos por acessos às nossas ferramentas. O Partido Pirata é uma organização independente que luta por direitos digitais, o livre compartilhamento de informações, privacidade para as pessoas e transparência de governos e corporações. Somos pessoas voluntárias tentando construir dia após dia o partido e precisamos de dinheiro para colocar algumas ideias em prática e cobrir diversos gastos. Isso requer muito trabalho e fazemos pois acreditamos que a nossa perspectiva importa porque –  também pode ser sua perspectiva.


Deixe uma resposta

Notice: Comments reflect the opionions of those who did wrote theme. Allowing people comment here, doenst mean, that we also agree with them.

Your email address won't be displayed. Required fields are marked with this sign: *

More information