Soldado que vazou informações do governo americano é condenado a 35 anos de prisão

Por Fábio Seletti

Bradley Manning, soldado acusado de vazar documentos secretos dos EUA para o Wikileaks, foi condenado nesta quarta (21) a 35 anos de prisão. Em 2010, quando trabalhava como analista de inteligência em Bagdá, ele divulgou em torno de 700 mil arquivos. Foi preso e o julgamento ocorreu em julho de 2011. Mas a divulgação da pena foi adiada. De todas as acusações, foi inocentado de somente uma: ajuda ao inimigo, que poderia resultar em perpétua.

Fonte: G1

 

O soldado Bradley Manning chega para audiência na qual foi condenado a 35 anos de prisão (Foto: Patrick Semansky/AP)O soldado Bradley Manning chega para audiência na qual foi condenado a 35 anos de prisão (Foto: Patrick Semansky/AP)

Já que você está aqui…

… nós estamos pedindo por um pequeno favor. Diferente de outras organizações, não recebemos dinheiro de governos e nem de empresas. Também não cobramos por acessos às nossas ferramentas. O Partido Pirata é uma organização independente que luta por direitos digitais, o livre compartilhamento de informações, privacidade para as pessoas e transparência de governos e corporações. Somos pessoas voluntárias tentando construir dia após dia o partido e precisamos de dinheiro para colocar algumas ideias em prática e cobrir diversos gastos. Isso requer muito trabalho e fazemos pois acreditamos que a nossa perspectiva importa porque –  também pode ser sua perspectiva.


Deixe uma resposta

Notice: Comments reflect the opionions of those who did wrote theme. Allowing people comment here, doenst mean, that we also agree with them.

Your email address won't be displayed. Required fields are marked with this sign: *

More information

Chat Internacional @GlobalPirates

Publicações