Russos querem banir o Windows 10 por espionagem

Win10

Advogados russos querem proibir o Windows 10 na Rússia devido ao sistema espionar os usuários.

Mais uma vez a Microsoft enfrenta águas turvas devido às configurações de coleta de dados do seu novo sistema operacional, o Windows 10. A The Bubnov and Partners Moscow, uma empresa jurídica russa apresentou uma denúncia contra a Microsoft no Gabinete do Procurador-Geral e pediram ao Procurador-Geral, Yury Chaika, para investigar as violações da lei que alegadamente ocorrem durante a distribuição do novo produto da Microsoft, o Windows 10, violando assim as leis locais, com informações da RIA Novosti na quarta-feira citando o advogado Alexei Kuznetsov.

De acordo com os advogados, o escritório de advocacia afirma que o Windows 10 ameaça a privacidade dos usuários, pois o sistema operacional coleta o histórico do navegador, senhas, localização, e-mails, eventos de calendário e amostras de voz e os repassa a terceiros.

O pedido sugere que a Microsoft poderá usar esses dados para seu próprio propósito ou transferi-los a terceiros, os serviços de anunciantes. Os advogados estão principalmente preocupados com a manutenção do sigilo legal. Eles afirmam que nenhum advogado está usando o Windows 10, para assim, garantir a confidencialidade de um cliente.

De acordo com o escritório de advocacia, a função da coleta de dados deve vir desativada por padrão e os usuários devem ser capazes de escolher se querem ou não ativar essa opção. Eles também disseram que o novo sistema operacional só deve ser aprovado para distribuição na Rússia depois que a Microsoft entrar em conformidade com esta condição.

Na semana passada, o deputado Vadim Solovyov enviou um pedido oficial ao Gabinete do Procurador-Geral para rever o uso Microsoft, por sua conformidade com a lei russa, como relatou o Jornal Izvestia na época. Solovyov acredita que, uma vez que muitas agências governamentais russas usam os sistemas operacionais Windows, isso pode resultar em vazamento de informações classificadas em favor da inteligência estrangeira. O deputado também alegou que o Windows 10 é efetivamente um espião de seus usuários.

Um porta-voz da Microsoft, no entanto, negou as acusações a RIA Novosti.

“O novo sistema operacional oferece aos usuários a escolha de como querem lidar com os seus dados e os usuários podem alterar as configurações a qualquer momento”, relatou um porta-voz não identificado à agência de notícias na quinta-feira. A empresa disse em um comunicado que a privacidade dos utilizadores está totalmente protegida no Windows 10.

“O Windows 10 coloca os clientes no controle, dando-lhes escolhas sobre como a informação é usada para fornecer serviços personalizados e experiências. Nós também oferecemos aos clientes uma série de opções no Windows 10 de configurações de privacidade para controlar quaisquer informações adicionais que eles escolhem para oferecer “, acrescentou a Microsoft.

Os recursos do conjunto de coleta de dados do Windows 10 pode ser desativado na tela de configurações. No entanto, vários aplicativos que já estão em vigor podem fazer isso automaticamente com apenas alguns cliques. De acordo com o que alguns dizem, mesmo que as funções na tela de configurações forem desativadas, a Microsoft continua ainda a coletar informações em segundo plano. Assim, para garantir que sua privacidade não seja violada, é aconselhável o uso de aplicativos de terceiros ao usar o novo sistema operacional.

Por um período de 12 meses, com início em 29/07/2015, o novo sistema operacional, o Windows 10, pode ser instalado gratuitamente em computadores com a versão anterior do Windows (7/8 / 8.1.) Dentro das primeiras 24 horas após o lançamento, cerca de 14 milhões de usuários ao redor do mundo baixaram o Windows 10.

Tradução e Interpretação: Techworm

Já que você está aqui…

… nós estamos pedindo por um pequeno favor. Diferente de outras organizações, não recebemos dinheiro de governos e nem de empresas. Também não cobramos por acessos às nossas ferramentas. O Partido Pirata é uma organização independente que luta por direitos digitais, o livre compartilhamento de informações, privacidade para as pessoas e transparência de governos e corporações. Somos pessoas voluntárias tentando construir dia após dia o partido e precisamos de dinheiro para colocar algumas ideias em prática e cobrir diversos gastos. Isso requer muito trabalho e fazemos pois acreditamos que a nossa perspectiva importa porque –  também pode ser sua perspectiva.


Deixe uma resposta

Notice: Comments reflect the opionions of those who did wrote theme. Allowing people comment here, doenst mean, that we also agree with them.

Your email address won't be displayed. Required fields are marked with this sign: *

More information